16 outubro 2009

anos depois...



Se você chegou agora e não sabe o que se passa com esse blog, leia minhas palavras e espero que tudo se esclareça. Caso contrário, me escreva.
Esse blog surgiu com a intenção de registrar minhas criações feitas sobre esses personagens, os palitinhos... Comecei a desenhá-los entre 2002 e 2003, para a identidade visual das Baladas Kintas, aqui em Rio Branco, Acre. Conto essa história no começo do blog.
Desde essa época até hoje (mais de seis anos depois), nunca deixei de desenhá-los, mas deixei de publicá-los. Os palitinhos sempre foram, pra mim, uma diversão...
Se você for aos posts antigos, verá os primeiros desenhos dos palitinhos, e as primeiras tiras. Ah, eles participam de tiras, na maioria das vezes... Os convites das Baladas Kintas e as primeiras histórias dos palitinhos com falas e diálogos em balões de texto, também estão nesse blog.
Não estou dizendo que é bom ou ruim. É, sim, o registro pessoal desse trabalho que me deu e ainda dá prazer em fazer.
E o motivo desse post, após mais de um ano, é registrar que os palitinhos continuam sendo desenhados e, talvez agora, aperfeiçoados. E fotografados...
Saudações!
guinoronha

ah, tem mais palitinhos e Baladas Kintas aqui.

06 agosto 2008

14 maio 2007

mulherismos 2

07 maio 2007

indecisão


este post foi inspirado na minha grande amiga, Cínthia. a rainha da indecisão.

13 outubro 2006

o chato do ponto de ônibus


esta seqüência é a grande prova da minha falta de roteiro para os personagens... acabam surgindo coisas esquisitas... o desenho parece meio sem paciência e é mesmo... sinal de que preciso caprichar mais. a seqüência e suas continuações (3 partes) datam de 12/05/2006. continuamos, então com o "experimental" a todo vapor!




12 outubro 2006

mulherismos 1

01 outubro 2006

pelotão!!!

deu branco!!!

o diretor conhece ella fitzgerald


essa seqüência deveria ser redesenhada mas como a proposta aqui é ser experimental, aí vai ela... foi a primeira e quase-única tentativa de usar balões de texto, não me dei bem com eles e não gostei desse resultado com balões. o penúltimo quadro, sem balão, é, talvez, o mais resolvido da seqüência.



ella fitzgerald - live in berlin


não havia roteiro, apenas desenhos. a idéia, até agora, era de um grupo de desenhos desempregados, sem saber o que fazer, em que história se encaixar... então surgiu um tal 'diretor', em uma noite, ao som do recomendável álbum da Ella Fitzgerald ao vivo em Berlim.
Muitos desenhos aleatórios, experimentando seqüências.